AMULETTO – JOALHARIA DE LEITE MATERNO

(Domingo, 28 de Julho 2019)

A paixão pela arte de criar sempre existiu em mim. Nem sempre de fácil concretização, e talvez por isso tenha andado a vaguear nas descobertas entre mim e o que me rodeia.

Quando mergulhei neste imenso oceano que é a maternidade, senti que podia e deveria ir lá bem ao fundo. Sabia que era lá, nas profundezas da aparente escuridão , que eu iria encontrar as mais belas e misteriosas imagens de mim mesma, e de onde poderiam surgir as melhores criações.

No nascimento da minha primeira filha, em 2015, tivemos dificuldade na amamentação. Era algo tão desejado por mim, eu queria tanto que desse certo! Que, essa pressão que eu própria criei, tornou-se insustentável após 9,5 meses de amamentação.

A segunda filha chegou em 2017. Ela trouxe a certeza de que a serenidade seria o caminho a seguir. Trouxe a certeza de que eu era capaz. A vontade de transmitir os saberes adquiridos sem mais exitação. A confirmação de que eu só precisava de me permitir ser eu mesma e tudo estaria certo da maneira como era. E com esta sabedoria que só precisou de espaço para desabrochar já contamos com 21 meses de amor em estado líquido!

Da mesma maneira como as minhas crias tiveram o seu tempo para nascer, assim nasceu o projecto AMULETTO, no seu tempo! Chegou a hora de eternizar a minha amamentação e de ajudar a eternizar a de todas as outras mães que o sintam fazer.

 

A PRESENÇA DE “UM AMIGO”

(Terça, 06 de Agosto de 2019)

A presença de “um amigo”,  durante a criação da Amuletto.

Chegando até aqui, por um caminho de revelações primordiais, que surgiram pelo fogo do desejo em buscar a Verdade. Passando pelas águas turbulentas do conhecimento, a maturidade da alma surgiu, permitindo-a expressar-se com todas as suas pérolas de sabedoria. Com o nascimento de uma mãe, nasceu também um pai e em ambos a compaixão despertou. Seria para com o “próximo” que todo o trabalho seria dedicado.

Para além de AMULETTO estar encaminhada para a criação de peças ligadas à maternidade, ela deixou-se fundir com aspectos direccionados à libertação espiritual do Ser humano. Trabalhando nas questões mais subtis na composição do homem e mulher, a aproximação mais íntima entre o cliente e a AMULETTO, é essencial para que o resultado dos “amuletos” criados sejam enaltecidos. Para que a  ligação se possa estabelecer entre o produto e o comprador, o produto tem de deixar de ser o produto e o comprador deixar de ser o comprador. E para tal, a Amuletto no  tempo e no espaço deve  deixar de existir, para que possa estar totalmente envolvida com o trabalho a ser feito. A beleza das peças surge naturalmente, mas enfatizamos principalmente a criação de algo que possa conceder leveza, harmonia, paz e protecção, em momentos de transição que vêm trazendo alguma instabilidade em todos os sentidos.